Pesquisar Blog Jornal da Mulher

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Empresária lança projeto e doa gorros com aplique de cabelo para pessoas com câncer



"Um Gorro para Sorrir" busca apoiadores para ampliar as doações que visam ajudar a autoestima de pacientes em tratamento de quimioterapia


Há mais de 20 anos atuando no mercado de quadros para maternidade e lembrancinhas para bebês, a empresária paulistana Rosaria Cunha iniciou recentemente um projeto para a doação de gorros com aplique de cabelo para pessoas em tratamento de quimioterapia.
Com o nome “Um Gorro para Sorrir”, ela já realizou por meio do projeto a doação de 45 gorros e agora está com uma campanha de crowdfunding para ampliar as doações e ajudar a autoestima das pessoas que estão em tratamento contra o câncer.

Conhecida por já ter confeccionado quadros em seu atelier para os filhos de celebridades como os apresentadores Luciano Huck e Angélica, Fausto Silva, a cantora Ivete Sangalo, o empresário Abílio Diniz, o jogador Kaká, o piloto Rubens Barrichello, entre muitos outros, Rosaria destaca um carinho e envolvimento especial com o novo projeto.

Até o momento, a divulgação tem sido feita nas redes sociais do atelier e as pessoas entram em contato com a empresária pelo Whatsapp. Dali em diante, ela inicia uma conversa e cria uma relação mais próxima para fazer um gorro personalizado, na cor escolhida pela pessoa, bem como o tom do aplique do cabelo.

“Primeiramente, as pessoas começam a conversa de um jeitinho tímido, quase não acreditando que vão ‘ganhar’ o gorrinho. Conforme a conversa caminha, elas contam suas histórias e de como estão enfrentando o tratamento. Isso nos aproxima mais e depois vem a empolgação e a ansiedade pela chegada do gorrinho. Quando elas recebem, a grande maioria me envia fotos, em poses diferentes, com o sorriso mais sincero do mundo. E foi isso que nos levou a dar o nome de ‘um gorro para sorrir’ para o projeto”, explica Rosaria.

Com o aumento dos pedidos, surgiu a ideia de fazer a campanha de crowfunding, que já está no ar e ficará disponível para doações até meados de setembro (https://www.catarse.me/um_gorro_para_sorrir?ref=facebook&utm_source=facebook.com&utm_medium=social&utm_campaign=project_share_insights). A meta é chegar a 50 mil reais em doações.

“A decisão de fazer a campanha é porque tenho muitos pedidos e o custo do gorro é alto. Não temos mais como usar apenas os recursos do atelier para financia-los. A escolha da plataforma foi uma excelente opção para divulgar de forma organizada e profissional o projeto dos gorros. Estou confiante de que vamos encontrar bons apoiadores e quem sabe ampliar ainda mais o projeto, fazendo mais pessoas sorrirem”, conta a empresária.


Para saber mais sobre o atelier Rosaria Cunha e o projeto, acesse:




Nenhum comentário:

Postar um comentário