Pesquisar este blog

quinta-feira, 13 de julho de 2017

"Desnível entre braços e pernas é a principal causa de dores na coluna", afirma terapeuta especializado em técnica milenar



A Organização Mundial da Saúde estima que 80% da população terá, ao menos uma vez na vida, um episódio de dor nas costas. O problema aparece em pessoas de todas as idades e é frequentemente atenuado pelo uso de medicamentos. A questão é que as dores voltam e, na maioria das vezes, suas origens não são investigadas.  

   A boa notícia é que na maioria dos casos a causa é mais simples do que se imagina: o desalinhamento da coluna cervical e pélvica, que faz com braços e pernas fiquem mais curtos que os outros. É o que garante o terapeuta corporal e massoterapeuta André Yano, especialista no método de cura oriental que leva seu sobrenome e foi passado de geração em geração.

   “O desnível entre braços e pernas é a principal causa de dores na coluna. Equivale a 90% dos casos. Geralmente as pessoas com problemas na coluna se enchem de remédios, usam palmilhas, cintas e até mesmo se submetem a cirurgias, sendo que, na maioria dos casos, o problema não é resolvido. No meu tratamento, utilizo apenas técnicas milenares de correção, sem o uso de qualquer medicamento ou acessório”, explica.   O terapeuta afirma que já na primeira sessão a dor pode ser aliviada ou eliminada. Além da dor nas costas, o desnível entre os braços e as pernas pode estar relacionado com outros sintomas como dor de cabeça, labirintite, artrose e hérnia de disco.

Indicado para pessoas de todas as idades a partir de um ano, o método atualmente vem sendo utilizado também como tratamento preventivo para esportistas. A terapia faz sucesso mesmo entre aqueles que já não estão mais na ativa, mas buscam o realinhamento para fugir das dores. É o caso da furacão da Copa de 70, Jairzinho.




O smartphone e a síndrome do text neck




Outro problema bem emblemático dos últimos tempos que pode ser tratado com o método yano é a dor no pescoço causada pela postura inadequada durante o uso de celulares, tablets e notebooks. A posição do pescoço dobrado para frente pode provocar a sobrecarga de até 27kg na coluna cervical e dar origem à síndrome text neck ou pescoço de texto. Como as novas gerações já crescem conectadas, as dores aparecem cada vez mais cedo.







Postura incorreta para mexer no celular pode sobrecarregar a coluna em quase 30kg

O terapeuta alerta que o aparelho deve estar na posição dos olhos.



Método yano

O método yano é um método de cura oriental fundamentado em uma filosofia de cura japonesa milenar. É uma terapia alternativa eficaz para aquelas pessoas que sofrem com dores sem encontrar melhora com remédios e cirurgias.






André Yano - terapeuta corporal, digitopunturista e massoterapeuta. Cursou digitopuntura na Fundación Instituto de Investigación y Perfeccionamiento, em Buenos Aires, e atualmente atende no Rio de Janeiro em Copacabana e na Barra da Tijuca.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

1.8 bilhão de pessoas continuam bebendo água potável sem proteção contra a contaminação por fezes

No âmbito do Dia Mundial do Banheiro, a Fundação We Are Water, uma iniciativa da Roca, alerta para a falta de acesso de milhões de pe...