Pesquisar Blog Jornal da Mulher

quarta-feira, 29 de abril de 2015

Dicas de alimentação e higiene bucal para paciente com Parkinson




Evento ocorreu na Unesp de Rio Claro
A Unesp de Rio Claro realizou no dia 10 de abril passado o VI Encontro sobre a Doença de Parkinson promovido pelo Programa de Atividade Física para Pacientes com Doença de Parkinson (PROPARKI) e pelo Laboratório de Estudos da Postura e Locomoção (LEPLO). O evento reuniu pacientes que participam do programa, além de seus cuidadores e familiares.
A coordenadora do Proparki, Profa. Dra. Lilian Teresa Bucken Gobbi, relembrou o início do Proparki em 2004 como um projeto piloto com apenas seis pacientes. Hoje, são dezenas de pessoas atendidas que possibilitaram ampliar o conhecimento sobre a doença. Em nome do prefeito Du Altimari, o Prof. Dr. Mauro destacou a importância do programa que promove a interação entre os pesquisadores, estudantes e a comunidade. Com isso, a Unesp mostra que está engajada na sua função de promover o ensino e a pesquisa preparando os novos profissionais. O secretário municipal de Saúde, Geraldo Barbosa, foi representado pelo diretor Edson Rodrigues.
A Profa. Dra. Sara Qüenzer Matthiesen, coordenadora do curso de Educação Física, ressaltou a importância do encontro para a troca de experiências entre pacientes, cuidadores, familiares e pesquisadores. O mestrando Gilson Fuzaro ministrou a palestra “Nutrição e Doença de Parkinson” sobre os benefícios de uma alimentação para o bem-estar dos pacientes. Segundo ele, é preciso ter cuidado com a ingestão de proteínas porque os aminoácidos interferem na medicação usada para o controle do Parkinson.
A professora Lilian comentou que os pacientes do Proparki passam por fonoaudiólogo, onde fazer exercícios de linguagem e deglutição. Os parkinsonianos devem ficar atentos não somente à quantidade e qualidade dos alimentos ingeridos, mas também na forma de degluti-los. A coordenadora informou que neste ano o programa dará atenção especial a quantidade de gordura ingerida pelos pacientes porque muitos estão aumentando de peso e precisam elevar a massa muscular.
O Prof. Dr. Eduardo Hebling, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), apresentou a palestra “Atenção Odontológica ao Idoso e ao Paciente com a Doença de Parkinson”. Ele deu dicas sobre escovação, tratamento e cuidados com os dentes para os idosos. Segundo Hebling, ao envelhecer as pessoas enfrentam escurecimento dos dentes, redução das papilas gustativas e diminuição na produção de saliva causando ressecamento da boca. O PH da boca fica mais ácido facilitando o desenvolvimento de bactérias, cáries, cálculos e doenças periodontais. O problema pode ser combatido com a ingestão de água e o uso de saliva artificial. O professor frisou que a higiene é a melhor forma de prevenção às doenças dentárias.
Sobre o Proparki
O Proparki é um projeto de pesquisa e extensão desenvolvido pelo Departamento de Educação Física da Unesp de Rio Claro desde 2005. O programa atende pacientes nos estágios 1, 2 e 3 da doença. As atividades físicas são planejadas para melhorar a qualidade de vida e promover a desaceleração da progressão da doença. Os encontros acontecem três vezes por semana (1 hora cada) e a participação é gratuita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário